Notícias

Como fazer uma boa redação para o Enem ou Vestibular?

Atualizado: Jan 8


Seja para o Enem - Exame Nacional do Ensino Médio - ou para o Vestibular, a dúvida da maioria dos estudantes é como fazer uma boa redação?

Mandar bem na redação é o que todo estudante sonha. Mas, ter conhecimento sobre como empregar de forma correta a ortografia e gramática não é o suficiente.


É fundamental estudar, pesquisar técnicas, entender o assunto para fazer uma estrutura da redação adequada a proposta. Desse modo, você terá base para redigir uma redação nota 1000.


É preciso conhecer o assunto e saber argumentar para convencer o leitor de que o conteúdo é verídico e tem base em informações legítimas e oficiais.


O formato de redação definido pela maioria dos exames é a dissertação argumentativa. Nesse formato é possível construir uma tese, com diferentes pontos de vista ao longo do texto.


Vale ressaltar que fazer a redação do Enem é para alguns estudantes, por exemplo, a porta para ingressar em uma faculdade. E um texto bem feito pode ter um peso significativo em sua nota final para a classificação no concurso.


Se neste momento um ponto de interrogação está se formando em sua mente sobre “como fazer uma redação?”, fique tranquilo.


Vamos pontuar algumas dicas para você arrasar na redação do Enem ou na redação do Vestibular. Confira!



Pratique

Antes de mais nada, a primeira dica é exercitar a escrita. Para isso, crie uma rotina de estudos. O hábito de praticar a escrita, ao menos uma vez por semana, faz total diferença na hora do exame.


Faça textos de apoio antes de redigir a versão final da redação para o Enem ou para o vestibular. Sendo assim você consegue reunir as ideias, organizá-las aos poucos no papel e depois definir a estrutura do seu texto dissertativo argumentativo.


Consequentemente, você desenvolve habilidades quando as coloca em prática. Vale lembrar que é necessário reforçar a leitura.


Ler enriquece o vocabulário, estimula a memória fotográfica das palavras e a imaginação. Além disso, é importante assistir filmes sobre temas e estilos variados.


Para escrever bem é de grande importância ter um repertório sociocultural. Ou seja, adquirir conhecimento em diversas áreas como política, economia, saúde, cultura, história, dentre outras, pode ser bastante útil.

Procure estudar temas polêmicos, sobre democratização do acesso à internet, legalização do aborto, entre outros que vira e mexe estão na mídia.


Além daquilo, claro, que é adquirido ao longo da vida por meio das experiências individuais dos estudantes. A redação pode te ajudar a alcançar bom resultado em qualquer exame, como também pode te derrubar na classificação geral.



Pesquise

Conferir as redações mais bem avaliadas do Enem, em anos anteriores, é uma boa estratégia de estudo. O INEP - Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira - divulga os espelhos de redação nota 1000.

Com isso, é possível verificar quais características dessas redações você pode aplicar na sua redação. Não copie argumentos, mas analise a forma como ela foi construída.



Leia com atenção as instruções da prova

Veja o tema de redação e faça uma leitura cuidadosa da prova e das questões. Busque interpretar as "entrelinhas" nas explicações. Elas podem te auxiliar na argumentação da redação.


Vá por etapas

Comece analisando o tema a fim de relacioná-lo com os seus conhecimentos. Uma sugestão é colocar em tópicos as ideias que surgirem em sua mente, de mais coerente, sobre o assunto proposto na redação.


Uma dica é associar cada tópico a um dado ou exemplo. Assim, será mais fácil desenvolver os parágrafos da sua redação dissertativa.



Clareza e simplicidade

Seja claro e objetivo no que escreve. Evite que seu texto dê margem para outro entendimento que não seja aquele desejado.


Para manter a clareza e a simplicidade do conteúdo cuidado na repetição de palavras. Procure utilizar frases curtas, pois facilitam o entendimento e ajudam você a tirar nota que o leve para uma boa posição na hora de se classificar.



Capriche na introdução

Seja objetivo e evite rodeios. Destaque na introdução a tese que irá defender no desenvolvimento da sua redação dissertativa. É essencial que você estimule a curiosidade do seu leitor.


É importante lembrar que para fazer uma boa redação seus argumentos devem ser usados para convencer quem estiver lendo.


Utilize de técnicas como fatos históricos, citação, questionamentos para apresentar o problema que irá argumentar.


Evite referências abstratas como “atualmente”, “cada vez mais”, “nos primórdios da humanidade” e “com o advento da internet”.


Argumentos para uma redação nota 1000

É hora de mostrar o seu ponto de vista de maneira convincente e consistente. Para isso:

- Pense em dois a três argumentos e os defenda, cada um em um parágrafo, por ordem de relevância.

- Procure não fugir do tema e siga uma linha de raciocínio do início ao fim da sua redação do Enem ou redação do Vestibular.

- Use conectivos para que as ideias fiquem interligadas: contudo, entretanto, diante disso;

- Evite adjetivos em excesso e frases longas.

- O primeiro elemento do parágrafo deve ser uma afirmação do seu objetivo. Essa frase vai dizer o que você vai abordar no parágrafo. Depois, explique essa afirmação.

- Justifique os seus argumentos expondo exemplos reais. Utilize seu conhecimento sociocultural, citando uma atualidade, um livro, um filme, uma fala de alguém, um estudo.

- Conclua o parágrafo mostrando como os exemplos e explicações foram ao encontro do seu objetivo.


Conclusão esclarecedora

Inicie o parágrafo com um conectivo. Esse é o momento para elaborar o raciocínio com as ideias que você já expôs ao longo do texto, reforçando o seu ponto de vista.


Na redação para o Enem, por exemplo, o último parágrafo precisa apontar soluções para o problema citado na introdução. A sua proposta de intervenção deve estar de acordo com o restante do texto.

Para isso é de extrema importância ter coesão e consistência nos parágrafos, pois essas duas características valem pontos.



Rascunho e revisão a seu favor!

Utilize o rascunho como um aliado. Nele você poderá organizar suas primeiras ideias e buscar os possíveis erros. Em seguida, leia o texto depois de concluído em busca desses erros de ortografia.


Não se esqueça de verificar a pontuação, o uso de conjunções, as concordâncias. Refaça a frase se necessário. E se tiver dúvida na grafia de alguma palavra, substitua por outra palavra ou expressão.

Passe o texto a limpo


É importante respeitar o limite de linhas e não incluir informações fora da área de correção. Dessa forma você alcançará os requisitos básicos para tirar nota máxima em sua redação.


Procure acompanhar jornais impressos, telejornais ou site de notícias para compreender o cenário mundial, entender as condições econômicas e políticas do seu país, analisando quais os principais desafios a serem enfrentados e em quais áreas.



Agora que você já sabe como fazer boa redação para o Enem ou para o Vestibular, é hora de colocar todas essas dicas em ação.


Aproveite e baixe nosso e-book com dicas sobre como passar no vestibular da área da saúde.

154 visualizações

1/2